Home » » CONTOS QUE UM DIA TE CONTO V

CONTOS QUE UM DIA TE CONTO V




























Madrugada, sem sono, Vertigo sente vontade de fazer amor gostoso mas como realizar isso naquela hora, todoas as mulheres que ele conhece com certeza estão dormindo, além do mais se trata de uma quinta-feira que todos acordam para trabalhar no dia seguinte.Vertigo levanta e vai até a geladeira ver se tem algo para comer mas resolve pegar uma fruta e va até a sala ver o que passa na madrugada na grande tv brasileira.Porém ao passar perto da janela para ver a rua, Vertigo vê sua vizinha chegando, ele pensa: “Vou fazer uma surpresa” . Vertigo abre a porta de seu apartamento e fica na porta esperando Vivi aparecer no elevador.Ela chega.

_Boa noite Vivi!!

_Boa noite Vertigo!! Sem sono?

_Pois é? E resolvi deixar o ar circular.E a festa foi boa?

_Nada, estava com umas amigas bebendo e falando mal dos homens, rsrsr.

_Hummmm, Não quer entrar e beber a última comigo, não gosto de beber sozinho e você me deu vontade ao comentar do bar.

_Hummm, mas só uma!

_tudo bem!!

Vivi vai para o sofá e Vertigo vai a cozinha pegar duas cervejas, ao chegar ele senta-se ao lado da gatinha que está com uma calça jeans apertada e uma blusa de frio que não esconde os biquinhos dos seios arrepiados, depois de brindar a vida e aos dois Vertigo passa a mão no rosto de Vivi e lhe dá um beijo despretencioso.Vivi aceita e depois dá um sorriso maroto e diz:

_O que você quer mocinho?

_Nada que você não queira minha linda! Mas que você está um tesão com essa calça e que essa blusa deixa qualquer um com vontades noturnas, isso deixa, não concorda?

Sorrindo Vivi responde:

_Você é mesmo muito safado, mas gosto desse tipo gostosamente safado e com estilo. Tenho que concordar que a blusa não disfarça o frio e também o tesão que estou sentindo.

Depois de ouvir aquilo, Vertigo deu outro beijo em ViVi e começou a a cariciar seu seio e passar a mão em suas coxas.Por outro lado Vivi acariciava o pênis de Vertigo que estava apenas com um short.

As caricias foram aumentando e Vertigo deixa Vivi apenas com sua calcinha de renda enquanto se deliciava em seus seios naturalmente grandes e com a mão na xana de Vivi, Vertigo acaricia e faz ele gemer de tesão.Vertigo desce pela barriguinha de Vivi e para perto de seu ventre curte um pouco sua tatuagem de escorpião e segue retirando a calcinha molhadinha da gata.Vertigo abre os lábios vaginais de Vivi e beija com gosto sua xana deixando a moça subindo nas paredes entre gritos e sussurros.Não agüentando mais de tesão Vertigo encaixa seu pênis naquela xana deliciosa e penetra com gosto fazendo Vivi gritar e arranhar as costa de Vertigo que grita de tesão e almenta seus movimentos fazendo Vivi gozar loucamente, mas antes que Vertigo gozasse, Vivi empurra Vertigo fazendo seu pênis sair de suaxana e antes de qualquer reação de seu macho ela abocanha seu pênis e faz com que Vertigo goze em sua boca alucinadamente. Depois dessa múltipla explosão de desejos e gozos Vertigo e Vivi ficaram agarradinhos e depois de uns minutos merecidos Vertigo já passava a mão na bundinha de Vivi que olhando para ele com seu sorriso gostoso disse:

_Vem! Come minha bundinha...

VERTIGO

 
Support : Copyright © 2015. make naty - All Rights Reserved